30/09/2009

O que é a Igreja ?

02/09/2009

Porque você vai à igreja?


Lendo um relato de um possível ex-pastor da IURD, à revista época, uma frase me saltou aos olhos em meio à longa reportagem: “Noventa e nove por cento das pessoas que vão à igreja, e isso eu ouvi do bispo Macedo, não vão para adorar a Deus. Vão para pedir, porque têm problemas no casamento, nas finanças, de saúde.” – será que ele não está certo? Talvez não estatisticamente… mas todos nós como seres humanos temos um quê de egoismo e sempre buscamos algo para nós, nosso lucro na barganha; sempre queremos saber o que temos a ganhar e não o que temos a perder, o que é natural!

Mas o humanismo consumista aguça nossa “fome consumista” a ponto de até nosso relacionamento com Deus, muitas e muitas vezes ser baseado numa barganha!

Porque você vai à igreja? Qual sua motivação? Porque você é cristão? Porque você Crê que Ele é o Caminho, a Verdade e a Vida, ou sua vida cristã é apenas uma muleta para você se relacionar com pessoas? Se sentir valorizado? Ou é só uma apólice de seguro que… vai que a Bíblia tem razão então você já fez seu seguro e está salvo, caso isso tudo seja verdade no final das contas?

Quantas vezes eu mesmo não me peguei buscando a Deus porque queria mais bençãos, mais poder, mais alguma coisa?? …sabe quando uma criança senta ao lado do pai e apenas fala que quer ficar ali do lado dele? Você já fez isso com Ele? Ou só vai a Ele na hora de pedir “mesada”? Que você não faça parte destes “99% !

Já chega Deus, eu quero uma namorada

 

 

Cada vez está acontecendo mais cedo entre os jovens, que já chegou na fase da adolescência: O dia do acerto de contas com Deus!
Vai haver um dia, ou todos os dias, que você do nada sente falta de alguém que não conheceu, sente falta de uma namorada, ou no caso das meninas um namorado, sente falta de estar com alguém. Você olha para sua vida vê que tem até certo ponto se cuidado, está levando a vida a sério e até já ora pelo assunto namoro e casamento, e nada, nada de Deus te dar um namoro.

Ai, pela graça de Deus, você chega na presença Dele e fala: Já chega Deus, eu quero uma namorada! Por que Você está fazendo isso comigo? Para responder este questionamento, peço licença para usar uma experiência na minha vida onde fiz esta exigência para Deus e ele me respondeu de uma forma que jamais esquecerei.

Já tinha me formado do seminário e estava no ministério, com um namoro com mais de três anos nas costas, com planos de casar e tal. Foi quando nesses furacões da vida acabou tudo, sem chance de voltar.
Estava arrasado, muito mal mesmo, estava vendo-a se dando bem com outro cara e eu aqui sem nada, foi quando decidi ir conversar com um dos meus mentores, afinal de conta pastor é pra isso, não é?

Cheguei para esse mentor e amigo de ministério para me abrir com ele. Estava contando sobre minha vida e como tinha me dedicado nos últimos anos para Deus, colocando Ele em primeiro lugar na minha vida, fazendo tudo o que é certo, e como minha vida tinha caído por terra naqueles últimos meses por causa daquele fim de namoro. Entramos na madrugada naquela noite, e ele foi ouvindo todo o meu desabafo e tudo que eu precisava falar. Foi quando estávamos chegando no fim daquele aconselhamento e já estava esperando as famosas palavras que os pastores costumam dizer nesta hora. Você sabe quais são né? “Não se preocupe meu jovem, Deus tem reservado alguém especial para você!”

Mas aquele meu mentor, não era igual a maioria dos pastores. Como eu gostaria naquela hora que ele fosse igual e me dissesse estas palavras mágicas, mas ele não era. Ele virou para o meu lado, olhou nos meus olhos e perguntou: Você já entregou sua vida por completa a Jesus Cristo?
Não entendi o porque ele estava perguntando aquilo aquela hora, será que ele não tinha ouvido tudo que eu tinha falado até então, de todo o meu ministério e o tanto que estava dedicando minha vida ao Senhor? Mas ele me explicou. Marcos, tenho ouvido você falar o tanto que você esta fazendo para Deus, mas a única coisa que ele te pede é que você entregue a sua vida toda para ele. Você já entregou o seu direito de se casar para Deus.

Eu respondi depressa e com ironia: você me conhece, se Ele fosse pedir isso não me faria tão hetero como sou. Rimos um pouco e ele me explicou, se alguém que já se deparou com Cristo na cruz ainda achar que tem algum direito a exigir dele, não se converteu, não entregou a sua vida na cruz de Cristo.

A paulada foi tão grande que eu não dormi naquela noite, pois descobri que era o filho mais velho da parábola do filho prodigo, fazia tudo para Deus para ganhar as bênçãos que achava que tinha direito.
Se aquele amigo tivesse falado as palavras mágicas dos pastores eu teria ido dormir bem naquela noite, e acordaria com o coração bem confortado longe de Deus.

Hoje entendo um pouco sobre os planos de Deus e creio que ele faz coisas maravilhosas para os que os amam. Mas sei que se Deus der o que merecemos por direito, Deus nos daria a cruz e a morte! Graças a Jesus que não ganho o que eu mereço, e sim o que não mereço: a salvação.
Por isso, quando chegar o dia do acerto de contas com Deus sobre o seu namoro que não chega, não vem me procurar para se aconselhar, procura aqueles pastores que vão falar: Não se preocupe, Deus tem preparado alguém especial para você! Porque, a final de contas, na maioria das vezes Deus tem mesmo, não é?

Marcos Botelho

Filhos de Deus - Trate de imitá-lo


TEXTO BÁSICO: Ef 5.1: “Sede imitadores de Deus, como filhos amados”.


INTRODUÇÃO: Deus é nosso Pai, e como seus filhos temos de imitá-lo.


Eis algumas coisas importantes que, como filhos dEle, devemos imitar:


1-DEUS É UM DEUS DE PROJETOS (Ap 13.8). Ele nunca realizou nada de improviso. O plano da salvação já estava traçado antes mesmo de o homem nascer (Ap 13.8). Portanto, se somos filhos de Deus, devemos imitá-lo traçando projetos para nossa vida, nossa família, para o Reino de Deus.


2-DEUS É UM DEUS DE ORGANIZAÇÃO (1Co 14.33)
PRINCÍPIOS ORGANIZACIONAIS DE DEUS


2.1- Deus trabalha com prioridades
Ele demonstrou isto na seqüência da Criação, criando, em primeiro lugar, os elementos que iam ser necessários aos elementos que Ele criaria a seguir.
PORTANTO, devemos estabelecer prioridades em nossa vida, realizando aquilo que é fundamental antes daquilo que é secundário.


2.2- Deus trabalha com preparação
Em Gênesis 3.15 já está registrada a primeira profecia anunciando o nascimento do Salvador da humanidade. Deus usou 45 capítulos de sua Palavra só para preparar o povo para a peregrinação no deserto (Ex 33 até Nm 10). PORTANTO, jamais devemos fazer nada de improviso, de qualquer maneira.


2.3. Deus trabalha com ordem
Deus é inimigo da desordem, da bagunça (1 Co 14.40).
PORTANTO, tudo o que fizermos devemos fazer de maneira organizada, ordenada, seqüencial.


2.4. Deus trabalha com estruturas
Ou seja, Deus respeita hierarquias, estabelece estruturas por essas serem elementos de sustentação. PORTANTO, devemos estabelecer estruturas que possam sustentar nossos empreendimentos, nossas ações. Devemos reconhecê-las e respeitá-las.


2.5: Deus trabalha com execução
Tudo o que ele projetou, executou. Não deixou nada pela metade, no meio do caminho.
PORTANTO, devemos planejar e executar o que planejarmos.


3-DEUS É UM DEUS QUE EXIGE PADRÃO DE QUALIDADE (Mt 5.48)
Tudo na criação de Deus reflete um alto grau de perfeição, de exigência.
PORTANTO, tudo o que fizermos, devemos fazer da melhor maneira possível, pois se somos filhos de Deus, temos que imitá-lo.


4-DEUS TRABALHA EM ORDEM CRESCENTE
Ele começa com uma pequena quantidade, para alcançar uma grande quantidade. Um casal transformou-se nos bilhões de seres humanos de hoje, Abraão deu início aos milhões de judeus existentes atualmente no mundo. PORTANTO, também devemos começar com paciência e perseverança, nas desprezando as coisas pequenas (Zc 4.10).


5-DEUS É ESPECIALISTA EM TRANSFORMAR CAOS EM BÊNÇÃO.
Do caos Ele tira a ordem, a perfeição, a bênção.
PORTANTO, como filhos de Deus, devemos transformar em bênção o caos que pode estar existindo em torno da nossa família, em nosso ambiente de trabalho, etc.


6-DEUS, O NOSSO PAI, É UM DEUS DE CARÁTER.
QUATRO MARCAS DO CARÁTER DE DEUS


DEUS É:


a - AMOR (1 Jo 4.8)
Debaixo do guarda-chuva do amor de Deus estão mais três marcas do Seu caráter:
b - PERDÃO (perdoar é cancelar a dívida)
c - MISERICÓRDIA (é lançar os méritos do perdoador sobre o perdoado)
d - COMPAIXÃO (compadecer-se é ficar no lugar do outro)


DEUS É JUSTO.
Ser justo é ser íntegro, honesto. Devemos seguir essa marca do caráter de Deus.
DEUS É VERDADEIRO.
A única paternidade que a Bíblia dá ao diabo é a da mentira (Jo 8.44).
Portanto, se somos filhos de Deus, jamais incluiremos a filha de Satanás em nossas ações.
DEUS É SANTO.
Ser santo não é só deixar de pecar, mas sim fazer oposição ao pecado


RECEITA PARA SER SANTO
Quem quer ser santo deve:
a) - Orar (1Tm 4.5)
b) - Mergulhar na leitura da Palavra (João 1.17)
c) - Segundo Colossenses 3.1-10: Buscar as coisas que são de cima, pensar em Deus, mortificar a carne, despojar-se do velho homem, e revestir-se segundo a imagem daquele que nos criou.


(Resumo da mensagem Se Você é Filho de Deus, Trate de Imitá-lo, do Pastor Silas Malafaia)

Inversão de Valores

O perigo da inversão de valores

Lamentavelmente entre o povo de Deus, muitos costumam dar ênfase aos seus dons espirituais, sem esforçar-se para harmonizar essa habilidade com a sua conduta ética. Eles falam línguas, e são usados em profecia e revelação, têm visões celestiais. Porém, toda ênfase nos dons, muitas vezes não condizem com o seu testemunho de vida cristã diante de Deus e do mundo.

Por isto, quem olha para muitos destes irmãos aparentemente vê alguém espiritual, mas a decepção depois é grande quando descobre o "eu" por baixo das aparências e da religiosidade. Geralmente durante os cultos e reuniões de oração, os crentes valorizam mais a aparência do que o conteúdo. Aparentam ser fervorosos, consagrados, santos e até são elogiados por causa dos dons e dos talentos espirituais que receberam. Mas o seu dia a dia, na família, na empresa onde trabalham ou entre amigos, costumam fazer trambiques, falar mentiras e palavras torpes.

Os crentes que valorizam mais a aparência física do que as qualidades morais, geralmente são legalistas. Estão sempre preocupados em manter o tradicionalismo. Ao invés de buscarem a Cristo com o coração humilde e quebrantado e fazerem uma análise introspectiva de sua vida cristã, conforme é recomendado em 1 Coríntios 11:28 "Examine-se, pois, o homem a si mesmo, e assim coma do pão e beba do cálice", ocupam-se de tomar conta da vida dos outros. Paulo falo sobre essa inversão de valores em Colossenses 2:23

"As quais têm, na verdade, alguma aparência de sabedoria em culto voluntário, humildade fingida, e severidade para com o corpo, mas não têm valor algum no combate contra a satisfação da carne."

Existem muitos crentes e até lideres evangélicos que se deixam levar pela falsa aparência de piedade. Nestes últimos dias, precisamos ter o cuidado, analisar com muito critério o conteúdo e as verdadeiras intenções de quem se diz nosso irmão em Cristo. Não podemos nivelar a espiritualidade de um crente pelas vezes em que ele fala em línguas ou dá glórias a Deus. Em Mateus 7:21, está escrito:

"Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus."

Extraído do livro O perigo da inversão de valores - O que está acontecendo com o povo de Deus?
Silas Malafaia





01/09/2009

12 Razões para esperar até o casamento

Para quem está habituado aos apelos sexistas do nosso tempo, é difícil compreender as razões porque esperamos pelo casamento. Não é algo que faça parte da realidade vivida pelos jovens de hoje. Quando falamos sobre esta decisão com nossos colegas de classe ou de trabalho, a reação é no mínimo de estranheza. Porém entendo que esperar, além de ser um ato de obediência é também uma escolha. Aparentemente pode não parecer muito confortável, entretanto as conseqüências são eternas. Pensando nisso, seguem 12 simples razões para o motivo de espera.

01. Porque eu quero, e quero muito.

Quem disse que é fácil passar pelas tentações? Porém tenho plena consciência das minhas escolhas e faço vivência delas, assim como de suas consequências. Por isso EU QUERO e escolho esperar até o casamento.
“Foge também das paixões da mocidade; e segue a justiça, a fé, o amor, e a paz… (2Tm 2:22)

02. Para deixar de ser o centro da própria vida
Deixar Deus dominar minha vida, como o dono de tudo que tenho e sou. “Também o coração dos homens está cheio de maldade, nele há desvarios enquanto vivem.” (Eclesiastes 9:3)

03. Não desonrar a Deus
Imagino o profundo arrependimento de saber que desonrei meu Deus e a outra pessoa… sabendo que cedi à tentação da carne e que banalizei uma coisa tão perfeita que Deus fez pra mim. Tomo as palavras de José ao ser tentado: “Como poderia eu cometer uma tamanha maldade e pecar contra Deus?”

04. Ser e fazer a diferença nesta sociedade que prega sexo como profano e momentâneo.
Fazemos parte de uma geração descomprometida. Tornou-se comum obter benefícios de forma imediata e desprezar as responsabilidades. Porém a orientação bíblica é que “…vos torneis irrepreensíveis e sinceros, filhos de Deus inculpáveis no meio de uma geração pervertida e corrupta, na qual resplandeceis como luzeiros no mundo. “ (FL. 2:15)

05. Para oferecer ao meu esposo (a) uma das maiores demonstrações de amor
Viver a imensa alegria do sexo e poder dividir isso com quem vou passar o resto da minha vida
A Bíblia não fala em tornar-se UM a toa. “Por isso, deixa o homem pai e mãe e se une à sua mulher, tornando-se os dois uma só carne.” (Gn 2:24) Tem coisa melhor do que ser UMA SÓ CARNE com a pessoa que você passará o resto dos seus dias? “O casamento deve ser honrado por todos; o leito conjugal, conservado puro…” Hb. 13.4

06. Para rever suas prioridades
A prioridade é estudar, viajar? Se minha prioridade não é casar, porque ter uma vida marital com meu namorado? “Para tudo há uma ocasião certa. Há um tempo certo para cada propósito debaixo do céu.” Ec. 3.1

07. Para tomar mais cuidado comigo mesmo
Gasta-se milhões em conscientização das doenças sexualmente transmissíveis e incentivando o uso da camisinha. Ao mesmo tempo, cresce o número de jovens infectados com DSTs ou enfrentando uma gravidez inesperada. Portanto, o melhor método de prevenção é a ausência do sexo. Isso é lógico! Se eu não tenho relações com pessoas diversas, não corro o risco de pegar doença sexualmente transmissível. Esperar ainda é o melhor método! “A vontade de Deus é que vocês sejam santificados: abstenham-se da imoralidade sexual. Cada um saiba controlar o seu próprio corpo de maneira santa e honrosa, não dominado pela paixão de desejos desenfreados, como os pagãos que desconhecem a Deus. O Senhor Deus castigará todas essas práticas. Porque Deus não nos chamou para a impureza, mas para a santidade.” I Ts 4.3-5;7

08. Filhos no tempo certo
Ter filhos no século XXI não é fácil, ainda mais um filho fora do casamento, onde estarei despreparada, trancar a faculdade, sair do emprego, etc.

09. Para respeitar e obedecer meus pais
Não me sentiria confortável contando que fui no motel com meu namorado (a) diante do meu pai. Não me sentiria à vontade sabendo que meus pais estão preocupados que eu possa engravidar uma garota ou pegar uma doença.
Dentro do casamento as coisas mudam.

10. Para aprender que as coisas são como são, nem tudo é perfeito. E tudo bem!
As meninas foram criadas com a promessa que o príncipe encantado chegaria com o cavalo branco resgatando das aflições existentes. Bem, sabemos que a realidade é bem diferente. Enfrentar a realidade como é, sem buscar satisfação de uma ausência de carinho em vários relacionamentos, além de sábio, é prudente.

11. Para passar pela experiência da Lua-de-mel

Lua de mel deixou de ser “o grande momento” da vida do casal, passou ser um tempo de viajem e não de descoberta no mundo moderno. Eu optando por ESPERAR, a lua de mel torna a ter o verdadeiro sentido, a emoção e a descoberta. Eu quero muito isso!

12. Para testemunhar
Viver Jesus no dia de hoje é fundamental para uma vida cristã saudável pautada na Bíblia. Ter um casamento abençoado testemunhando a santidade durante o namoro para os filhos é o verdadeiro exemplo vivido.
 

Blogger news

Blogroll

About