04/11/2010

Você foi a pessoa escolhida

Um dos encantos do casamento é compreender que fomos escolhidos por alguém. Você é uma pessoa tão desejada e especial, que alguém quer passar o resto da vida com você! Alguém mais o escolheu há muito tempo - Deus. Isso mesmo Deus.


Efésios 1

3 Bendito o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o qual nos abençoou com todas as bênçãos espirituais nos lugares celestiais em Cristo;

4 Como também nos elegeu nele antes da fundação do mundo, para que fôssemos santos e irrepreensíveis diante dele em amor;



O fato de Ele ter escolhido você não tem nada haver com suas características ou qualidades. Deus o escolheu para declará-lo santo e irrepreensível perante Ele, independente de seus méritos e a despeito de suas fraquezas. Deus simplesmente o escolheu para estar com Ele. Por quê?

Você se lembra do tempo em que era mais jovem (talvez muito mais jovem), quando cursava o ensino médio e tinha de participar de uma equipe esportiva? Além de ser o capitão do time, qual era a melhor coisa que podia acontecer? Não era ser escolhido em primeiro lugar? É possível que nunca tenha acontecido com você, talvez tenha sido sempre o último. É bom saber que aquela época já passou. Hoje você é objeto da atenção de Deus.

Percebem o que Deus sente por vocês e o que Ele deseja de vocês? Sentem-se abençoados por terem sidos criados e escolhidos pelo Senhor?

John Piper em seu livro The Pleasures of God (As Alegrias de Deus), compara nosso relacionamento com Deus a um casamento. Ele prossegue descrevendo como a lua-de-mel termina para todos os casais. Eles caem na realidade, e o grau de intensidade e de afeto da lua-de-mel diminuem consideravelmente. As duas pessoas modificam-se, e os defeitos começam a aparecer, todavia com Deus é diferente.

Deus diz que a alegria que ele sente por seu povo é semelhante ao noivo quando encontra a noiva. Ele está falando sobre intensidade, sobre os prazeres, energia, empolgação e entusiasmo da lua-de-mel. Ele está tentando introduzir em nosso coração o significado de suas palavras quando diz que exulta por nós de todo o seu coração.

E tem mais: Com Deus a lua-de-mel nunca termina. Ele é infinito em poder, sabedoria, criatividade e amor. E Ele também não tem dificuldade em nos fazer manter o grau de intensidade da lua-de-mel. Ele é capaz de prever todas as futuras singularidades de nossa personalidade e decidiu que manterá aquilo que é bom para nós e certamente mudará o que não é.

Quero terminar com uma pequena reflexão no Salmos 37:4 Deleita-te também no SENHOR, e te concederá os desejos do teu coração. Creio que ser escolhido já é em si o melhor presente de Deus para nossas vidas.

NEle, o Deus eterno que te escolheu para eternidade.


Trechos extraídos do livro Começando Juntos de H. Normam Wright.

0 comentários:

Postar um comentário

 

Blogger news

Blogroll

About